MEDITAÇÃO

Acerca da Meditação dou aqui uma “definição” sucinta porque a própria ideia de definição e’ contraditória com o que a Meditação possa ser. Meditação é uma prática e tal como todas as práticas, para se entender o que seja, a condição fundamental e’ praticar. A sua conceptualização, e no caso da prática da Meditação especificamente, só afasta a quem quer saber o que ela seja, do que ela realmente e’. Mesmo caindo nesse risco, e propondo ao leitor desta página a tarefa de desmontagem desta mesma “definição” de Meditação que aqui darei, substituindo a definição pela sua prática, arrisco dizer que:

Meditação é a prática continuada da acção de estar atento (atenção plena) ao estado interior e ao estado das coisas presente a nós próprios. Quando essa prática se torna um hábito desenvolve-se uma forma de abertura, de aceitação e de curiosidade renovada perante nós próprios e perante as circunstâncias da nossa vida interior e exterior. E esta forma de existir mostra-nos que somos co-criadores da versão que normalmente temos da realidade interna e circundante.

Pela prática da Meditação somos surpreendidos por um outro sentido de liberdade e responsabilidade pessoal que deixa de ser imposto pelos dogmas predominantes da nossa cultura. Não sendo uma prática de avaliação critica da realidade, curiosamente apura o sentido critico de cada um de nós a par de um sentido de aceitação ou resiliencia perante as adversidades, porque equilibra os estados emocionais exagerados e a racionalização exagerada (que tantas vezes reconhecemos que nos turva o olhar). Nesse sentido torna-se numa prática de equilíbrio pessoal.

 

Meditação onde?

Induzo à prática da Meditação no início de cada aula (5/10 min. de concentração), ofereço aulas privadas de meditação e ensino esta prática a grupos, em estúdio ou a grupos de trabalhadores em empresas, em formato de Workshops.

 

Find your wild.